Sessão especial marca, na próxima segunda-feira (2), às 15h, no plenário da Câmara Municipal de Maceió, o Dia Municipal do Idoso. A sessão foi proposta pela vereadora Tereza Nelma (PSDB), autora da Lei nº 6.150/12 que instituiu a data. O objetivo é conscientizar a população acerca da situação das pessoas idosas. Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostram que em menos de uma década o Brasil aumentou em 8,5 milhões o número de idosos no País.

Atualmente, 26 milhões de pessoas no Brasil estão acima dos 60 anos. Em 2007 eles eram 17 milhões e em 2027 essa parcela da população dobrará, chegando aos 37 milhões, de acordo com projeções do IBGE.

Segundo a vereadora Tereza Nelma, esses dados mostram a real necessidade de que sejam desenvolvidas políticas públicas mais enfáticas para os idosos. “Sempre temos algum idoso em nossa vida com o qual nos identificamos e é nossa referência, sejam nossos pais, avós ou qualquer outra pessoa que assume esse papel especial. Mas, infelizmente, ainda nos deparamos com muitas situações de desrespeito e maus-tratos, que não podem acontecer. Essas pessoas só têm a nos ensinar e foi com esse intuito que instituí essa lei que comemora o Dia do Idoso em nossa capital. É uma singela forma de retribuir todos os seus ensinamentos”, afirmou.

Na oportunidade, será entregue a Comendas Dom Fernando Iório Rodrigues, concedida ao médico cardiologista José Wanderley Neto e à irmã Maria Leônia de Lima. A honraria é concedida a personalidades e instituições que se destacam em prol dos Direitos das Pessoas Idosas. Também será conferida a Comenda Pacificadora da Paz Madre Tereza de Calcutá a Ana Marinete da Silva, pelo seu incentivo ao bem-estar das pessoas idosas por meio da capoeira, e à Pastoral da Pessoa Idosa, pelo trabalho de acolhimento e assistência aos idosos.

“Estou muito feliz de ter a oportunidade de agraciar essas três pessoas maravilhosas e também a Pastoral da Pessoa Idosa que presta um apoio sem igual em todo o Brasil. Essas comendas irão tentar retribuir, pelo menos um pouco, tudo que eles já fizeram e continuam fazendo em prol da nossa sociedade. Será maravilhoso e certamente abrilhantará ainda mais essa data”, disse Tereza Nelma.

A sessão especial também contará com a palestra da advogada Cosmélia Fôlha que abordará “Os direitos da pessoa idosa: dignidade em primeiro lugar”, em alusão ao tema da Pastoral da Pessoa Idosa em 2017.